Halloween (Atari 2600, 1983)

Baseado no filme de mesmo nome, Halloween pode ser considerado como o melhor game com temática de horror do Atari 2600.

Na pele de uma desesperada mulher (presumivelmente, a personagem Laurie Strode do filme) você deve procurar as crianças que estão perdidas pela casa e levá-las em segurança para fora, pois escondido nas sombras está o psicopata assassino Michael Myers, sempre com uma bela faca na mão.

Em algum aposento randômico da casa aparece uma espada, e você pode usa-lá para “matar” o psicopata. Claro que essa morte é tão “eficiente” quanto nos filmes, ou seja, em poucos segundos o desgraçado volta, ainda mais rápido do que antes.

atari_halloween1

Destaques: a violência explícita do game, provavelmente o mais sanguinolento do Atari. Quando Myers alcança uma criança, só o que sobra é um pequeno cadáver sobre uma poça de sangue. Quando Myers pega a mulher, ele a decapita, e a vítima sai correndo sem cabeça, com o sangue jorrando pelo pescoço !! TRASH, muito trash!!!

Destaque também para a música tema, igual a do filme e muito bem feita para os padrões técnicos do Atari.

Uma curiosidade: no Brasil, o nome deste game aparecia nos cartuchos sempre como sendo “Sexta-Feira 13“, apesar das carinhas de abóboras e da música-tema do filme tocando na abertura. Será que os fabricantes locais eram assim tão ignorantes mesmo? Ou será que preferiram mudar o nome do game propositalmente, já que os filmes da série Sexta-Feira 13 são bem mais conhecidos e populares do que os da série Halloween ? Mistério …

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s